17 junho 2005

Sinais de vida

Quando, há coisa de dois ou três meses, dei como oficialmente aberto este espaço, estava longe de imaginar aquilo em que ele se iria tornar.
Comecei com um Post sobre a eleição do Papa, se a memória não me falha.
Depois - com menos de vinte e cinco minutos de permeio -, surgiu um sobre o Futebol Clube do Porto.
Desde então, muita coisa aconteceu.
Tive alguns Posts com sucesso; alguns, com uma boa dose de humor (modéstia à parte) e outros que passaram completamente ao lado de quem quer que fosse.
Tudo isto com a entrada de um novo colaborador de permeio - o Phillipe.
Ontem, quando passava uma última vista de olhos pela sebenta de Métodos para me preparar para o Exame (que, a propósito, me correu relativamente bem), lembrei-me deste meu cantinho. É verdade, apesar de ser o meu blog, há muito tempo que não o visitava (será o termo correcto, "visitar"? Afinal de contas visitamos a casa dos outros, nunca a nossa própria casa - neste caso, não se trata duma visita; mas como não conheço termo melhor para este contexto, acho que me vou ficar pelo inapropriado "visitar").
Passei os olhos por alguns Posts, li alguns comentários (ou melhor, reli alguns comentários) e no processo dei-me conta duma coisa... É verdade, já não Posto nada há muito tempo.
Enfim, vicissitudes da vida: exames, frequências, compromissos, estudos, eu sei lá que mais.
Sim, bem sei que neste momento devem estar todos a interrogar-se porque carga de água estou eu para aqui com estas divagações. Mas não, ao contrário do que se possa pensar, a performance de há uma semana não deixou marcas psicológicas em mim - asseguro que a imitação do Prof. Moisés não me condicionou a eloquência do discurso e concisão de raciocínio.
Enfim, a verdade é que só aqui vim para... como diz o título, dar "sinais de vida".
Espero que, passados os exames, o tempo - que agora parece ser sempre tão curto - me permita dar o devido tratamento a este meu cantinho.
Até lá, apenas gostaria de dizer umas coisinhas.
Em primeiro lugar, desejar boa sorte a todos (com efeitos retroactivos, pelo que este desejo é também extensível ao passado Exame de Sociologia).
Em segundo lugar, endereçar as minhas sentidas condolências à menina Ana Drago; acredite ela que lamento profundamente a pouca gentileza que Deus todo poderoso teve no momento de lhe conceder capacidades intelectuais (se querem saber o porquê, sugiro que passem por este site: www.politicaxix.blogs.sapo).
Por último, e, como dizem os nossos camaradas franceses, "last but not least", apenas uma pequena coisinha (e esta vai bem dedicadinha para o Del Neri e para o Berto):
WOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO! IT IS TIME TO PLAY THE GAME!

Comentários

4 Comments:

At sábado, junho 18, 2005 10:00:00 da manhã, Blogger Monique Mendes said...

Ola Pedrinho... c'um caraças, tenho de arranjar "um nome" para te chamar...
Vamos ao que interessa, é bem que deias sinais de vida, porque se eu venho todos, ou quase todos, os dias ao teu blog é para ver essas maravilhas que tu nos dás!!
Claro que agora é complicado, não há tempo!
Enfim... Eu que o diga!
Beijinhos grandes com saudades**

 
At sábado, junho 18, 2005 9:52:00 da tarde, Blogger Sílvia said...

Pois é Romano..andamos todos sem tempo..Ou quer dizer..O tempo é realmente para o essencial ;)
Não que não goste de cá vir te visitar mas prontu...Sabes como é que é ;)
Bjinhux.

 
At domingo, junho 19, 2005 1:52:00 da manhã, Blogger Phillipe Vieira said...

Depois de um retiro sabático, decidi voltar à blogoesfera (espero ser assim que se diz), para te congratular pela sobrevivência do blog e pela manutenção de qualidade dos conteúdos! Agora que também faço parte dele, sinto-me também feliz por tudo isso. Já agora, já começaste a estudar para semiótica? Há uns pormenores do Ricoeur que não me estão a entrar...Já agora deixa-me referir o meu contentamento pelo evidente sucesso do post anterior. É tempo de balanços, todos os devemos fazer... Até o Peseiro.

 
At domingo, junho 19, 2005 2:59:00 da manhã, Blogger pedroromano said...

Essa do Peseiro foi boa...
Estás a melhorar, agora vê lá se não és apanhado num arrastão e te fazem a folha!
Quanto ao Ricoeur, acho que já entendi bem as cenas, custou mas entrou. Embora, convenhamos, o texto que a Madalena meteu na A17 para fotocopiar não seja propriamente um regalo para o intelecto...

Bem, vou-me deitar. Mas não sem antes recomendar www.csocial.com - é que pus lá o meu primeiro Post ;) Saudações suadas (este tempo está insuportável)

 

Enviar um comentário

<< Home